A cada um o seu lugar. A política feminina do Estado Novo

10,00€

A cada um o seu lugar. A política feminina do Estado Novo

10,00€

PIMENTEL, Irene Flunser (2011) A cada um o seu lugar. A política feminina do Estado Novo. Lisboa: Temas e Debates: Círculo de Leitores. 1ª Edição. De 24x16 cm. Com 455, [1] págs., [24] p. il. Brochado. [exemplar muito bem conservado]

Tese mestr. História Contemporânea (Século XX), Fac. de Ciências Sociais e Humanas, Univ. Nova de Lisboa, 1997. Prémio Pessoa, 2007 e Prémio Seeds of Science, 2009.

“O livro divide-se em duas longas partes (além da introdução e das conclusões), que têm por título “O Estado Novo e as mulheres” e “A Obra das Mães pela Educação Nacional (OMEN)”, abrangendo um período temporal entre 1936, data de criação da OMEN, e 1968, quando a substituição de Salazar por Marcelo Caetano alterou a vida desta instituição. A OMEN, alvo fundamental deste estudo, foi criada pelo Ministro da Educação, Carneiro Pacheco (que seria substituído em 1940 por Mário de Figueiredo), em 1936, sob tutela do Ministério da Educação Nacional tratando-se da primeira instituição de reeducação e de enquadramento estatal de mulheres adultas em Portugal, em época de fascismos europeus”.

Esse produto está atualmente indisponível..

Também pode estar interessado em