GUIMARÃES: A TRADIÇÃO DAS CUTELARIAS

38,00€

GUIMARÃES: A TRADIÇÃO DAS CUTELARIAS

38,00€
1

GUIMARÃES: A TRADIÇÃO DAS CUTELARIAS. Coordenação editorial de José Manuel Lopes Cordeiro. Guimarães: Associação Comercial e Industrial de Guimarães, 2014. De 29x25 cm. Com 360 págs. Ilust. E.

Trabalho ímpar no panorama historiográfico da arqueologia industrial portuguesa, «Guimarães: A Tradição das Cutelarias» é ainda, o mais completo estudo sobre a história e a evolução das cutelarias que se tem feito nos tempos modernos.

Monografia saída da importante Exposição de que tomou o nome, nela se apresentam meia dezena de estudos, pioneiros alguns, outros que ficarão como referência, da autoria do Prof. Doutor José Manuel Lopes Cordeiro, da Investigadora Isabel Maria Fernandes, da Prof. Doutora Teresa Soeiro e do colecionador e investigador Carlos Marques.

Dos textos destacamos: «Cutileiros vimaranenses: uma arte que vem de longe»; «Notas sobre algumas marcas vimaranenses de cutelaria em talheres de prata»; «Contributo da cutelaria vimaranense para a indústria de talheres de alumínio de Penafiel»; «O Grémio Nacional dos Industriais de Cutelarias».

Se os textos são notáveis, todo o material iconográfico recolhido pelos autores, que ilustra este monumental catálogo, é igualmente valioso. Fac-similadas ou através de reprodução fotográfica, são apresentadas centenas de imagens que reproduzem as ferramentas utilizadas na cutelaria, todo o manancial de objetos produzidos pela indústria cutileira de Guimarães, as artísticas caixas em que eram acondicionadas as cutelarias, reprodução das dezenas marcas de cutileiros, manuscritos e impressos (frontispícios de livros; material publicitário, etc.).

Edição luxuosa, nitidamente estampada em bom papel, de um grafismo irrepreensível, com o corte das folhas prateado. Cartonagem editorial, com sobrecapa em papel. Invulgar.

Apenas 1 Unidades disponíveis

Também pode estar interessado em