CARVALHOS DE BASTO. VOL. 2

31,80€

CARVALHOS DE BASTO. VOL. 2

31,80€
1

FREITAS, EUGÉNIO DE ANDREA DA CUNHA ET AL. (1979-1980) CARVALHOS DE BASTO: A DESCENDÊNCIA DE MARTIM PIRES CARVALHO, CAVALEIRO DE BASTO. VOLUME II. (FASCÍCULO 16 AO 30). 31X21 CM. COM 501 PÁGS. B.

Segundo volume (completo) desta notável obra de genealogia sobre as principais famílias descendentes do Cavaleiro Martim Pires Carvalho, do século XIII, que conta ao todo com 10 vols. mais índices.

obra da mais relevante importância entre todos os trabalhos de investigação genealógica realizados entre nós, minuciosamente estudado e documentado, em que, além de Eugénio de Andréa da Cunha e Freitas, têm lugar de assinalável importância Maurício António Fernandes, Nuno M. Ferraz de Andrade, Francisco J. de Abreu Maia e Castro e A. Duarte P. P. Rebelo de Carvalho, cujos nomes se acham inscritos no frontispício dos respectivos volumes. Com reproduções de brasões d’armas e outros símbolos heráldicos, além de inúmeros desenhos reproduzindo aspectos de casas nobres.

Texto de apresentação assinado por Eugénio de Andrea da Cunha e Freitas: “Em 1937, pouco depois que vim para o Porto, comecei a investigar a família de minha avó paterna, originária desta cidade. Este trabalho prolongou-se por vários anos – praticamente não se interrompendo até ao presente – e tomou inesperada extensão, abrangendo, tanto nas linhas ascendentes como nas colaterais, um muito elevado número de famílias de Entre Douro e Minho, ramificadas pelas demais províncias e até pelas Ilhas. “Nunca, no entanto, pensara divulgá-lo em letra de imprensa, por ser unicamente fruto da curiosidade, melhor, daquele vício que se nos infiltra no sangue.

‘«Eu sou um desses desgraçados»’, confessa algures o grande Camilo. “Há pouco, alguns genealogistas amigos – outros «desgraçados» -, a quem confiei os quatro volumes manuscritos que constituem este título de «CARVALHOS DE BASTO», acharam-lhe algum interesse e quiseram publicá-lo. Anuí prontamente a tão gentil desejo. “Mas era preciso actualizar muitas linhas genealógicas, completar muitas outras que apenas estavam esboçadas. Tomaram eles a seu cargo tão pesada tarefa. Esse trabalho pertence-lhes e será devidamente anotada no texto a sua autoria. Foi a única exigência minha, porque, nesse particular, a obra me não pertence. “Além dos editores [referidos, como acima se disse, nos frontispícios], é justo, desde já, mencionar D. Maria Adelaide Cardoso de Meneses Pereira de Morais, dr. Manuel Artur Norton, Abílio Pacheco de Carvalho e o engº João Gomes de Abreu e Lima

O Volume apresenta-se em fascículos, tal com foi distribuído ao longo dos anos, preservando todas as capilhas de papel.

Apenas 1 Unidades disponíveis

Também pode estar interessado em