LISBOA VELHA: SESSENTA ANOS DE RECORDAÇÕES 1850 A 1910

15,00€

LISBOA VELHA: SESSENTA ANOS DE RECORDAÇÕES 1850 A 1910

15,00€
1

BASTOS, SOUSA (1947) LISBOA VELHA: SESSENTA ANOS DE RECORDAÇÕES 1850 A 1910. PREFÁCIO E NOTAS DE GUSTAVO DE MATOS SEQUEIRA. LISBOA: C.M.L. DE 22X16 CM. COM 302 PÁGS. ILUST. E.

Curioso e importante repositório de recordações da vida social lisboeta nos finais do século XIX, adornadas com diversas figuras intercaladas no texto da autoria de um dos mais reputados ilustradores portugueses do século XX, Rocha Vieira. Alguns dos capítulos: «Quintas e hortas»; «Antigos meios de transporte: carrões, segues e traquitanas»; «A iluminação pública»; «Limpeza das ruas»; «Banhos»; «Cabos de polícia»; «Regedores»; «Prisões para soldados»; «Diversões populares»; «As fogueiras»; «A matança do porco»; «Noites de Santo António»; «As feiras»; «O entrudo»; «Bailes nos teatros»; «As ruas de Lisboa»; «Os sinos e os sineiros»; «Jornais e jornalistas», «Jornais velhos»; «Os antigos bolos»; «Doces que ainda duram»; «Especialidades: boroas, amêndoas e filhós», «pasteis de Belém»; «Diversões», «Tabernas» etc. etc. Edição original, póstuma, muito estimada e pouco vulgar.

Encadernação em sintético; capas preservadas.

Nota: capas e primeiras 15 páginas com acidez provocada por água, com maior superfície afetada nas primeiras folhas, diminuído à medida que se vai avançando no livro; capa escurecida e com alguma sujidade; encadernação com leve desgaste na zona de charneira (interceção da lombada com as pastas); erro de gravação dos títulos na lombada a palavra «antiga» foi trocada por «velha»; assinatuda de posse de Carlos Consiglieri.

Apenas 1 Unidades disponíveis

Também pode estar interessado em